Globalização: a oportunidade para investir em internacionalização

Por Elvis Fernandes

A era da globalização mudou profundamente a relação entre os países, e com isso, essas mudanças criaram uma rede de interdependências e interconexões, ou seja, os países estão cada vez mais conectados e dependentes entre si tanto nacional quanto internacionalmente.  Essa multiplicidade de relações traz consigo ainda o surgimento de novas forças transnacionais, ou seja, forças que atravessam diversos países do globo. Em meio a esse cenário de mundo conectado várias empresas sentem-se cada vez mais incentivadas a se internacionalizar, sobretudo de olhos as vantagens diante dessa nova realidade.

Em suma, internacionalizar é um processo de envolvimento de uma empresa caracterizado por trocas culturais, políticas e econômicas mediante operações em outros países diferentes daquele de sua origem, geralmente associada à globalização da maneira que atualmente se apresenta, com o capitalismo de mercado livre transformando a forma como os países e empresas se relacionam, ficando cada vez mais conectados e dependendo um do outro.

No entanto, internacionalizar a atividade de uma empresa é um processo longo e complexo que demanda várias etapas e preparação prévia e; pode trazer inúmeras vantagens, mas também diversos obstáculos e a necessidade de adaptação. Os obstáculos são inúmeros, e vão desde burocracias legais e administrativas até a necessidade de contratação de funcionários especializados ou a adaptação do mercado alvo e até mesmo do produto. Sendo assim, o planejamento estratégico, a capacidade de produção própria e gestão dos recursos são primordiais nesse processo. E assim sendo, a gestão estratégica é, portanto, essencial para que um programa de internacionalização mal concebido não resulte em prejuízo ou até mesmo no fim da atividade comercial da empresa.

A expansão das atividades executadas e a busca por novas oportunidades são os principais motivos que levam as empresas a buscar a internacionalização e a necessidade de aprofundamento na cooperação já existente entre países e empresas e a criação de novos enlaces vem justamente para que se busque em meio aos desafios e oportunidades o caminho que melhor se amolde as necessidades de um mundo em que simultaneamente se regionaliza e se globaliza. O fortalecimento da posição comercial, menor dependência do mercado interno e a possível diminuição da carga tributária são algumas das vantagens que tendem a impulsionar as empresas brasileiras. Por outro lado, a internacionalização não é importante apenas para as empresas, esse envolvimento de uma empresa em operações com outros países representa também um marco para a economia nacional e internacional.

É possível observarmos diversas formas de internacionalização, desde a exportação ocasional até a associação de duas ou mais empresas e cada uma delas com diversos obstáculos que demandam uma investigação profunda na realidade da empresa, do mercado, economia, região entre outros. Assim, um estudo pontual sustenta o sucesso na expansão no cenário internacional, esse estudo vai desde uma analise do país alvo da empresa até a atividade exercida, mas exige um conhecimento do processo de internacionalização como ponto de partida.

Vale também notar que, as regiões fronteiriças em meio a esse cenário mostram-se como áreas de importante instrumento de otimização não apenas do campo das atividades econômicas e das relações de mercado, mas também dos setores culturais, sociais e políticos. Analisar as regiões de fronteira em meio a Globalização do século XXI torna-se relevante também, à medida que a modalidade mais rápida e intensa desse processo gera um grau de importância maior no que concerne a interligação entre as regiões. O Brasil, por ter como uma de suas principais características a vasta extensão de suas fronteiras destaca-se por formar um ambiente capaz de fortalecer as mais diversas áreas, fazendo com que em muitos setores a internacionalização compreenda um mecanismo de sobrevivência e competitividade necessário nessa nova significação trazida pelas regiões de fronteira.

A formação de uma consciência empreendedora voltada para ações de internacionalização e o conhecimento dos aspectos fundamentais, leis e procedimentos burocráticos são fundamentais para o desenvolvimento da internacionalização de empresas. Deste modo, programas de apoio, a formação de parcerias, divulgações institucionais, assessorias, entre outros são essenciais para a formação de uma consciência empreendedora capaz de diminuir as dificuldades enfrentadas no processo de internacionalização. Neste sentido, a Interi Jr. traz em seu rol de serviços ações concretas de apoio e suporte que possibilitam a compreensão dos obstáculos à internacionalização, além de assessorar mecanismos de prospecção de parceiros, de marketing e promoção de produtos e empresas.

Ficou interessado? Te auxiliaremos no processo de internacionalização. Contate-nos através do e-mail: contato@interijr.com ou através do telefone: +55 67 3410-2479.

Encontre-nos nas redes sociais:

Deixe um comentário

http-interijr-com
Please wait...

Inscreva-se na nossa newsletter

Receba notícias de comércio exterior; fique por dentro de tudo o que está acontecendo na Ínteri Jr. e receba oportunidades de carreira e investimentos no exterior.